Norte do Brasil: Uma noite em Rio Branco/AC

O Acre existe!

Seguindo o planejamento conforme o prometido, lá vai mais um post sobre o Mochilão de 2016.

Eu comecei a contar essa saga no post passado, falando de como a gente foi parar em Porto Velho e o que encontramos por lá. Se você ainda não leu essa maravilhosa história, clica aqui antes de começar o post abaixo pra já ir se inteirando das aventuras.

Já disse antes que o Norte do Brasil não é exatamente o destino mais procurado pelos turistas, né. Talvez por isso, ou pela questão econômico-cultural a região seja bem fraca em infraestrutura. Mas isso não impede a visita, viu? Quer dizer, se você tiver se acostumado a ficar em hotéis 5 estrelas talvez esse não seja o seu lugar. Agora, se você procura conhecer o melhor da essência do povo brasileiro, vale a pena o sacrifício.

Peregrinação

Saímos de Rondônia no busão da madruga por volta das 22h. Em dada parte do trajeto, o ônibus precisa atravessar o Rio Madeira e acontece um fenômeno que nós – deslumbrados da cidade grande – achamos o máximo: como o rio é muito largo, não tem ponte e a travessia é feita numa balsa imensa que carrega os carros. Alcançamos essa parte da viagem já de madrugada, então não conseguimos registrar. Em parte porque estávamos dormindo quando chegamos lá e mal acordamos pra atravessar hahaha e em parte porque era um breu danado e não tinha como filmar nem fotografar, mesmo. Até hoje não sabemos como aquela balsa atravessa naquela escuridão, é muito doido.

O melhor do Brasil é o brasileiro

No ônibus, nosso amigo Baca fez amizade com um senhorzinho muito zueiro que além de bater o maior papo com a gente em boa parte da viagem, ainda deu uma bela duma ajuda quando chegamos em Rio Branco: levou a gente pra tomar café na padaria mais antiga da cidade, mostrou tudo o que tinha pra ver e ainda ajudou a gente a achar um hotelzinho.

Nossos heróis hahaha

Assim como Porto Velho, Rio Branco é uma cidade amarronzada e quente – MUITO quente. E também não tem lá muito o que se fazer. Depois que deixamos nossas coisas no hotel (de beira de estrada, o quarto custou R$75 PARA OS TRÊS) e tomamos um banho bem gelado, fomos dar uma volta na cidade.

O que vimos de interessante:

Rio Acre e a Ponte Estaiada

Rio Acre

Calçadão da Gameleira

A rua mais antiga de Rio Branco tem as casinhas mais coloridas que você vai ver hoje.

Mercado Velho

Cês vão acreditar se eu disser que não tenho foto? Estava tão vazio que acabei nem pegando a câmera. Mas pode jogar no google que tem foto lá hehe. É uma gracinha e eu amo mercados municipais!

Praça do Governo

Praça Chico Mendes

À noite, o Diogo e o Baca foram curtir e eu preferi dormir porque ainda tinha muitas noites em ônibus pela frente hahaha

Quando sair nosso canal, vai ter vídeo contando mais detalhes dessa experiência sim.

E você? Já foi ao Acre? O que você viu por lá?

Os posts quinzenais voltam em janeiro, quando chegarmos das férias – cheios de novidades pra contar! 😀

Até lá, vai rolar viagem em tempo real no nosso instagram. Não perde!


Quer acompanhar de perto todas as doideiras dO Mendigo Viajante? Segue nosso Instagram : @omendigoviajante

Também estamos no Facebook : O Mendigo Viajante

Tem alguma dúvida? Quer dar alguma dica? Pensa em ser nosso parceiro? Adoramos conversar! Manda um email pra gente: omendigoviajante@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s